30/11/2010

Educar...


Numa altura em que tenho pensado imenso sobre a questão da educação e de como é, cada vez mais, difícil educar no contexto de "escola", de "clube", lembrei-me desta imagem.
Entre tantos e tantos aspectos que poderia tentar escalpelizar, lembrei-me de um: o exemplo!
Tantas e tantas vezes tento falar nele... e sinto que pareço, aos olhos de outras pessoas, um perfeito alien! Lembro-me bem de, quando era aluno, ouvir o famoso ditado: "olha para o que eu digo, não olhes para o que eu faço"! Sim, essa barreira intelectual gigante, criada por um professor que opta por fazer, em frente aos alunos, coisas que não lhes são permitidas!
Professores que partilhavam bebedeiras, drogas, voltas de carro a alta velocidade, irresponsabilidades típicas de uma adolescência mal vivida, ou um caminho fácil para a aproximação dos educandos...
Lembro-me igualmente bem, de ouvir os feitos incríveis de uma professora, que gabava o seu clima tranquilo na sala de aula, baseado no estímulo da bofetada... ao intervalo era tempo de partilhar os seus estalos, berros, expulsões! Pergunto-me se se cria, assim, um ambiente tranquilo ou um ambiente propício a alunos oprimidos, amedontrados, fechados em si próprios? Mas o objectivo tinha sido alcançado: ter uma turma calada... o resto é acessório!
Nesta minha tão curta caminhada de ser educador, deparo-me com pouca audácia, com pouca vontade de ousar, de voar mais alto! "Oh captain my captain!", do Clube dos Poetas Mortos, talvez uma das maiores provas daquilo que pode ser um professor de excelência...
Mas é claro que nem sempre sinto ter força para ser "assim"... há, de facto, alturas em que é muito difícil ousar a diferença, quando somos nós os educadores centrais de uma criança, porque os pais são figuras ausentes do papel que é ser educador! E quando assim é, a tarefa é árdua e de difícil execução...

Hoje escrevi demais mas deixo, por fim, uma imagem que sempre me lembrou o ditado supracitado: "Olha para o que eu digo, não olhes para o que eu faço"!!

26/11/2010

O novo messias...

Ao passear pela internet... descobri que é verdade, JESUS É O NOVO MESSIAS...

22/11/2010

Caminhos...

Hoje andava a "passear na internet" e encontrei esta imagem... e dei por mim com saudades, de novo... há, de facto, caminhos, pessoas, cheiros, momentos que nos marcam!
O meu "ano dos embondeiros" foi, sem dúvida, marcante... e há alturas em que me apetece com "um saltinho apenas", aparecer por lá e ver como anda São Tomé...

Bons regressos aos vossos caminhos, após mais um fim de semana...

11/11/2010

Um exemplo em tempos de crise...

Ando um bocado (que é como quem diz... MUITO) farto desta história da crise e do fatalismo português em desistir perante um cenário "supostamente incontornável" (é mais fácil etiquetá-lo como incontornável... porque afinal poupa-nos o esforço de o tentar contornar!!).

Partindo do "pressuposto comum" de que não há países perfeitos... existirão, com certeza, países onde podemos ir aprender alguma coisa... a Suécia é, em muitos aspectos, um deles!

Hoje, não por causa da taxa de conclusão do ensino obrigatório (12º ano) de 99,8% com absolutamente TUDO pago no ensino (livros, refeições, transportes e afins) mas sim por causa de um assunto tão discutido em Portugal: privilégios e regalias de deputados e das famílias (onde, às vezes, se incluem primos em 125º grau!!) deste país... vale a pena ver o vídeo com atenção!!

video

08/11/2010

Sem palavras...

Só consigo dizer... incrível!

A nossa responsabilidade e atenção terá, necessariamente, que aumentar!

01/11/2010

Passeio em dia de feriado...






Confesso que acabei por perder a conta aos locais magníficos que passámos... mas o mais saboroso é mesmo pegar em pessoas que te estão cravadas no coração e estares uma tarde inteira a rir, cantar, recordar e voltar a viver tempos magníficos... mas, melhor ainda, a disfrutar da amizade enorme que nasceu entre nós! Foi um "passeio comunitário", duma comunidade ideal... onde só faltou a nossa Maria, que chegou FINALMENTE da Guiné!
Terras de Bouro, Brufe, Vilarinho das Furnas, Campo de Gerês, Gondomar... foram lugares e mais lugares! Para recordar um feriado passado de maneira diferente...